Estudo Direcionado

Pela democratização da informação

Pesquise um post:

Carregando...

Para Celso Mello, distinguem-se dois efeitos do ato administrativo: os típicos e os atípicos. Os primeiros são os próprios à sua tipologia, à sua função jurídica. Os efeitos atípicos podem ser divididos em efeitos preliminares ou prodrômicos e efeitos reflexos.
Os preliminares existem enquanto perdura a situação de pendência do ato. Ex: nos atos sujeitos a controle por outro órgão, há o poder-dever que assiste a este último de emitir o ato controlador que funciona como condição de eficácia do ato ato controlado. Efeitos reflexos são aqueles que refluem sobre outra relação jurídica, ou seja, que atingem terceiros não objetivados pelo ato. 
No processo penal, o efeito prodrômico da sentença está relacionado com a vedação da reformatio in pejus, seja ela direta ou indireta, na hipótese de recurso exclusivo do réu. 

Se você gostou, compartilhe

Postagens relacionadas

Seja o primeiro a comentar:

 
 
 

Blog Archive

Arquivo do blog